quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Antes de beijar muitooo, pense muitooo.

Olá meu povo!!
Semana acabou, mas nem dá pra dizer ufa!
Agora é que o "caldo vai entornar", pois a partir desta sexta-feira estas duas cidades irmãs chamadas Recife e Olinda só pensam e respiram carnaval. E pra quem vai trabalhar como eu, já viu, né?! A sexta-feira significa preparação.


Pois é, nos deparamos com mais um período de folia. Impressionante como a festa que "teoricamente" significava brincadeira, agora tem como objetivo "beijar muitoooo".


Saia eu do salão e ouvi a mensagem: "bom carnaval! Beije muitoooo"
Estava eu numa loja do Shopping Tacaruna enquanto as vendedoras, todas novinhas, conversavam sobre o carnaval e uma delas dizia: "Ai como é ruim brincar o carnaval de namorado. A gente nem pode beijar muitoooo".


O que eu acho mais interessante é o destaque para o muitooooooo!!
Por que, necessariamente, no carnaval eu tenho que beijar muitoooooo?! Já que não achei minha boca no lixo?
Quem foi que disse que estando com namorado ou marido, a pessoa também não possa beijar muitooooo?! Se é justamente com ele que eu deveria beijar, pois teoricamente, já sei a procedência da boca alvo?!


Confesso que fico impressionada (ainda tenho essa capacidade) com as mudanças que ocorrem com as coisas, nem sempre para melhor, diga-se de passagem. Mas, enfim...


Só lamento a quantidade de relacionamentos destruídos, barrigas indesejadas criadas, pessoas com atitudes a se lamentar por causa desse "beijar muitooooo".


Por outro lado, tem quem encontre um parceiro durante o período; quem canta, brinca e sorri de forma sadia; quem volta a ser criança. Isso também tem.


O fato é que a partir desta sexta-feira algumas pessoas vão se divertir com sentimento puro; outras vão brincar pensando na sacanagem; algumas vão aos locais única e exclusivamente pensando em fazer o mal. Outras, eis o caso desta que vos escreve, terão que trabalhar. Seja qual for a intenção ou motivo, todas estarão compartilhando o mesmo espaço e ambiente, por isso, nunca se fez tão necessário policiar os pensamentos e orar e vigiar. 


Confesso já estar contando os dias para que tudo isso acabe, porém desejo a quem curte a festa dias de paz, tranquilos, apenas alegres. Brincar com responsabilidade e não fazer da bebida, das drogas e do sexo uma "bengala" para resolver suas frustrações, medos, recalques e carências é o alerta que lhes faço.


A vida é muito mais do que apenas quatro dias de carnaval e não acaba na quarta-feira de cinzas. Ela precisa continuar.


Bjs gente e bom feriado.
Xanda


‎"Em você existem as causas da sua derrota e vibram as forças de seu triunfo." 
(André Luiz)

Um comentário:

  1. Adorei, amiga!

    Um texto muito delicado e racional.

    O problema do ser humano é o exagero e pra isso não há datas. Carnaval, São João, Natal, Fins de semana, tudo é convite para quem é desequilibrado. Não somente no carnaval.

    Esta demonização que há neste período é mais um exagero. Todo exagero vem do mal.

    Beijão!

    Merlânio

    ResponderExcluir