sexta-feira, 15 de março de 2013

Hoje

Mais uma noite e eu aqui estou a contemplar o céu. 
A calma me toma, me deixo por ela envolver.
Hoje não há pressa, não há desejos, não há expectativas,
apenas o silêncio.

E olho a noite e vejo a lua crescente
e me encanto com seu luar amarelado de quem vai se despedindo de minha visão.
E me pego a pensar: exato!!
É tempo de reflexão.

Mas hoje não quero pensar.
Meu desejo é apenas olhar.
Olhar serena e embevecida
o caminho da minha amiga.

E que bom que hoje, nem que seja por breves momentos,
posso me dar o luxo do nada fazer.
Posso apenas ser e estar.
Posso apenas a lua contemplar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário